Bear market: quando o mercado está em baixa

bear market
beegin -invista em startups

Para o investidor que está interessado em negociar ações na bolsa de valores, é importante conhecer os principais termos desse mercado. Um dos mais populares é o bear market, que pode se mostrar como um momento de oportunidade para quem entende da volatilidade natural do mercado financeiro. 

O bear market indica uma tendência de baixa nas operações realizadas na bolsa de valores. É um momento de preços mais baixos e também menor volume de negociações. Não é considerado um bom momento para a venda de ativos.

É importante entender esse conceito para saber proteger a carteira de investimentos. E também é essencial conhecer a diferença entre o bear market e o bull market e qual estratégia utilizar para cada um desses momentos. 

O que é bear market?

O termo bear market, na tradução livre para o português, significa o mercado do urso. Na prática, indica que é um momento de tendência de baixa nas negociações realizadas na bolsa de valores. 

Recebe esse nome porque se baseia no movimento de ataque do urso contra seus predadores, que é de cima para baixo, em um movimento descendente. Quando o mercado está passando pela fase do bear market, indica que as ações estão sendo negociadas a um preço abaixo da média, por um período estendido. 

É importante acompanhar o mercado financeiro para entender se está passando por esse momento de bear market. Alguns fatores que podem dar início a essa fase são:

  • Piora nos indicadores econômicos;
  • Baixo crescimento ou PIB negativo;
  • Crises setoriais;
  • Saída de investimentos estrangeiros;
  • Pessimismo e incerteza;
  • Entre outros. 

Quanto tempo dura o bear market?  

Não é possível prever ou estimar quanto tempo o bear market irá durar. É uma fase que pode se estender por dias, meses e até mesmo anos. Tudo vai depender das medidas tomadas para a retomada da economia e também do otimismo dos investidores. 

Para identificar este período, é preciso analisar a tendência do gráfico de negociações para ter essa visibilidade. Se, por um longo período de tempo, os indicadores estiverem em queda, significa que o mercado está passando por esse momento. 

Qual a diferença do bull market? 

São dois momentos importantes para os investidores que negociam ações na bolsa de valores, mas que indicam cenários diferentes da economia. 

Como já mencionado acima, o bear market indica uma tendência de ações a preços mais baixos puxados por um momento mais delicado da economia, de incertezas e crescimento abaixo do esperado. É um momento interessante para o investidor que deseja comprar. 

Já no caso do bull market, a tendência é de alta nos preços, puxada pelo crescimento da economia, aumento no índice de emprego e otimismo dos economistas em relação ao cenário futuro. 

Também conhecido como mercado do touro, já que o movimento de ataque do animal contra seus predadores é de baixo para cima, em uma trajetória ascendente. Também neste caso, não é possível estimar quanto tempo dura, podendo durar por anos. 

E se você quer obter ganhos de bull market com menor exposição ao bear market, invista nas empresas emergentes, que estão crescendo de forma acelerada. Confira as oportunidades na beegin.

Como investir em startups

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.