Conheça os principais grupos de anjos do Brasil

Grupos de anjos

No mercado de venture capital, um papel fundamental é exercido pelos investidores anjo. São eles que aportam capital nas startups de menor porte, ainda em estágio inicial, e viabilizam vários negócios que ganham tração e se tornam relevantes. Neste movimento, tem especial importância os grupos de anjos.

A cada ano, os investidores anjo preferem investir de forma coletiva. Levantamento anual da Anjos do Brasil aponta que 49% dos anjos preferem investir por meio de redes. Isto porque o investimento em grupo traz mais segurança ao investidor individual. Um grupo de anjos oferece diversos pontos de vista e competências complementares, capazes de avaliar as mais diferentes características de uma startup. Esta combinação de experiências e perspectivas torna o processo mais abrangente e seguro.

Neste artigo, vamos listar alguns dos principais grupos de anjos do Brasil.

Principais grupos de anjos

Anjos do Brasil

A Anjos do Brasil é a rede mais antiga e tradicional do ecossistema de startups do Brasil, sendo responsável também por disseminar a cultura de investimento anjo no País. Fundada em 2011 por Cássio Spina, reúne 500 investidores em núcleos espalhados pelo Brasil.

BR Angels

A BR Angels é uma rede fundada em 2019, que reúne 150 investidores, em sua maioria CEOs e empresários. Só este grupo já aportou mais de R$ 50 milhões em investimento anjo.

Insper Angels

Grupo de anjos formado por ex-alunos do Insper, o Insper Angels conta com mais de 400 investidores em sua rede, incluindo referências do ecossistema como Vitor Kawamura e Marco Poli. 

GVAngels

Formado por ex-alunos da Fundação Getúlio Vargas, a GVAngels conta com 270 membros associados e já investiu R$ 35 milhões em 35 startups.

MIT Alumni Angels Brazil

Esta é uma iniciativa da MIT Club of Brazil, que reúne ex-alunos brasileiros do Massachusetts Institute of Technology e da MIT Sloan escola de negócios. Faz parte do MIT Alumni Angels, rede global de investidores anjo.

Como investir em startups

Além de fazer parte de um grupo de anjos, o investidor precisa ter às mãos os instrumentos adequados para avaliar uma oportunidade e contribuir com os colegas de rede. Entender conceitos fundamentais de valuation, due diligence e estruturação de rodadas é fundamental para este processo, e pode ajudar o investidor a se destacar na rede em que estiver inserido. 

Para aprofundar nesses tópicos, um caminho é fazer os cursos de investimentos alternativos da Solum.ed

Uma resposta para “Conheça os principais grupos de anjos do Brasil”

  1. Gostaria de saber como entrar em contato com os investidores anjos !
    Tenho um projeto de uma empresa ,e um plano de negócio elaborado, de um grande lucro inicial e futuramente . No entanto não estamos com o valor total do investimento inicial !

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.